Páginas

quarta-feira, 26 de dezembro de 2012

A chuva bate na janela como se fosse alguém pedindo para entrar .O chá está quente. O livro está na minha mão, pronto para ser lido.  O tempo não muda, a chuva não passa, acabou-se o chá e sete capítulos do livro já se foram. A coberta me aquece desse tempo frio, aquece o meu corpo mas o que aquece a minha alma? A chuva diminui, as horas já se passaram, e o que restou? Apenas eu e meu cobertor, o frio está de congelar, não dá vontade nem de levantar. Olho para o relógio, três horas se passaram. Minutos tão rápidos tanto como os pingos da chuva que cai. A chuva se foi, e com ela o frio. O livro foi-se também, e eu ? Eu aqui continuei, deitada, coberta e agora com calor, mas vou ficar aqui, à espera do meu amor que daqui a pouco chega. Para ficar comigo embaixo do cobertor . 
 
 
 

2 comentários:

  1. adorei o blog,,segue o meu hauahua bjuus gatiinha

    http://m1nh4-vidanaotaosecreta.blogspot.com/

    ResponderExcluir

 
Template feito por Nathália Almeida, exclusivo para disponibilização no Single Themes. Não retire os créditos!